Últimas Notícias do Fluminense

Veja as 4 opções de Diniz para substituir Thiago Santos no Fla-Flu

O Fluminense vive semana de preparação para o próximo sábado (16), quando retorna aos gramados pelo confronto de volta da semifinal do Campeonato Carioca. Para buscar a virada de chave contra o Flamengo, após uma derrota em 2 a 0, o técnico Fernando Diniz tem estudado minunciosamente suas possibilidades, considerando que ainda não conta 100% com o elenco titular.

Além do revés ao lado da torcida, o Fluminense contou com a expulsão de Thiago Santos no último sábado (9). Assim, Fernando Diniz terá que acionar uma dupla de zaga de maneira diferente do que está acostumado no momento. O treinador tem utilizado a semana sem compromisso, para definir o atleta que caminhará como parceiro de Felipe Melo na defesa.

Há algumas algumas opções no elenco, entre elas, Manoel e Antônio Carlos, que entraram em campo no último encontro com o Flamengo. Felipe Andrade, ainda pode ser considerado uma opção. Ainda há a expectativa quase remota sobre a situação de Marlon, que poderia estar à disposição, caso se recuperasse das dores no joelho. Assim, é praticamente descartado neste primeiro momento.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Diniz pode improvisar atleta contra o Flamengo

Mesmo com a ausência de Thiago Santos, o técnico Fernando Diniz pode comemorar o retorno de André, que está de volta às possibilidades após suspensão automática. O atleta está acostumado a ser improvisado como zagueiro, em determinadas oportunidades que a equipe deseja mais ofensividade. No entanto, só iniciou o duelo como zagueiro, em um único momento.

O Fluminense entende a expectativa da torcida sobre a virada de chave, especialmente por ter vivido um ano especial em 2023 e chegar como campeão da Recopa Sul-Americana na temporada. Além disso, o clube entende que não revelou grande atuação no confronto de ida e tem a capacidade de buscar uma goleada para ficar com a vaga. O Tricolor terá que vencer por três gols de diferença.

Isadora Reis

Estudante de jornalismo, torcedora assídua do futebol nacional e apaixonada por escrever sobre esportes.
Botão Voltar ao topo