Destaques

Tricolor pode lucrar quantia milionária com convocação de Diniz

Com a primeira convocação de Diniz oficializada, mesmo com alguns cortes por lesão, a seleção principal já está definida para os jogos das eliminatórias, onde Diniz irá comandar a seleção pela primeira vez.

Com os recentes cortes de Bento, do Athletico Paranaense, e de Vinicius Júnior, as vagas foram preenchidas por Perri, do Botafogo, e Raphinha, do Barcelona.

Com a seleção reforçada, os jogadores farão parte do grupo principal nos jogos da seleção sob o comando do novo técnico Fernando Diniz. Diante disso, alguns clubes buscam valorizar seus jogadores para lucrarem com vendas futuras com a seleção.

Tricolor pode lucrar bastante com a venda

Buscando valorizar a convocação do jogador, o clube tricolor pode obter uma boa quantia em dinheiro devido ao destaque do atleta na seleção.

No caso, o clube tricolor é o São Paulo, que terá Lucas Perri na seleção. Apesar de ser jogador do Botafogo, Perri foi revelado pelo São Paulo, que pode lucrar significativamente com a valorização do jogador.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

O São Paulo detém 15% dos direitos econômicos de Perri, além do mecanismo de solidariedade da FIFA, e planeja lucrar com uma possível venda para o Lyon, da França.

Vale lembrar que a venda de Perri para o Lyon faz parte do projeto de John Textor, dono da SAF do Botafogo e do Lyon, que busca realizar uma grande negociação envolvendo Perri e Adryelson, jogadores do Botafogo que supostamente irão para o Lyon no final da temporada, conforme relatado por diversos sites.

Assim, o São Paulo tem a perspectiva de receber uma boa quantia em dinheiro devido à valorização do jogador, que participará do grupo nos jogos da seleção brasileira nas eliminatórias para a Copa do Mundo de 2026.

Leonardo Simões

Trabalhar com futebol é algo que hoje é minha maior realização, por mais que em outras áreas eu tenha uma boa qualidade é no futebol que eu me identifiquei.Também sou apaixonado por basquete e sempre tento acompanhar todas as ligas, sendo bem antenado a acompanhar diversos esportes além do futebol.Antes de trabalhar com futebol fiz diversos trabalhos, sendo de atendente em shopping até vendedor em televendas, e principalmente após começar a faculdade de jornalismo decide rumar para a área esportiva.
Botão Voltar ao topo