Últimas Notícias do Fluminense

Treinador do Sampaio Corrêa não mede palavras e rasga o verbo sobre o Fluminense

No último domingo (28), o Fluminense sofreu uma decepcionante derrota para o Corinthians, por 3 a 0, pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro. Agora, terá que se reerguer e proporcionar a virada de chave nas competições, já que enfrentará o Sampaio Corrêa farão, no Espírito Santo, na próxima quarta-feira (1), às 16h, pelo jogo de ida da terceira fase da Copa do Brasil.

O retorno será no dia 22 de maio, às 19h, no estádio Maracanã. Entendendo a importância da vitória no duelo de ida, aproveitando a oportunidade de estar em casa, o Sampaio Corrêa já estuda o adversário e a sua maneira de jogar. O técnico do clube, Thiago Gomes, comentou sobre o assunto e elogiou o Fluminense. Além disso, pediu foco para seu elenco.

“Temos um grande jogo pela frente contra o Fluminense, que é uma equipe muito qualificada e atual campeã da Copa libertadores da América. Estamos estudando, pensando com calma nas estratégias do jogo. Precisamos atuar com o máximo de concentração possível para tentar sair de campo com um bom resultado”, afirmou Thiago, demonstrando concentração para a partida.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Fluminense busca virada de chave na temporada

Na competição, o Fluminense entra na terceira fase, e como terá a oportunidade de decidir em casa, entende que possui uma oportunidade extra de ficar com a classificação. Contudo, terá um motivado adversário pela frente. Pela Série C do Campeonato Brasileiro, o Sampaio Corrêa chega após uma derrota em 2 a 0 para o Aparecidense, e com um empate em 1 a 1 junto ao Figueirense.

O trio de arbitragem da partida ficará na responsabilidade do árbitro principal Felipe Fernandes de Lima, e pelos assistentes Leonardo Henrique Pereira e Augusto Magno de Ramos. A expectativa da torcida do Fluminense é grande, especialmente pelo desejo de uma virada de chave, após os altos e baixos do início da temporada. A derrota para o Corinthians gerou cobranças ao técnico Fernando Diniz.

Isadora Reis

Estudante de jornalismo, torcedora assídua do futebol nacional e apaixonada por escrever sobre esportes.
Botão Voltar ao topo