Fluminense na Libertadores

Rival do Fluminense sofre novo caso de racismo na Libertadores

Na noite da última quarta-feira (3), o Palmeiras enfrentou o San Lorenzo na Argentina, pela primeira rodada da fase de grupos da Copa Libertadores da América. O placar terminou em 1 a 1, e mesmo se tratando de um importante resultado para o Grupo F, uma situação ficou marcada negativamente durante o confronto. A ação partiu de uma torcedora do San Lorenzo.

A mulher foi flagrada imitando um macaco em direção à torcida do Palmeiras, no empate por 1 a 1. Por se tratar de um assunto faz parte de uma luta constante no futebol brasileiro, o vídeo rapidamente começou a circular entre os torcedores. Enquanto os palmeirenses comemoravam no setor visitante das arquibancadas do estádio Nuevo Gasómetro, a torcedora do San Lorenzo passou a imitar um macaco.

Assim, tentava zombar da torcida do Palmeiras, de maneira criminosa. Até o momento, nem o Palmeiras nem o San Lorenzo comentaram sobre o assunto, algo que é cobrado pelos torcedores, em busca de uma punição. Nas redes sociais, os palmeirenses se revoltaram com o gesto racista e exigiram algum posicionamento da Conmebol, algo que já era esperado sobre outras ações.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Vale ressaltar que a situação não é a primeira envolvendo times do futebol brasileiro na Copa Libertadores da América. Na mesma semana, já na última terça-feira (2), a torcida do Flamengo também se deparou com ofensas durante a partida contra o Millonarios, da Colômbia. As ações são intoleráveis e apontam um grande problema envolvendo a competição.

Ainda no sorteio da fase de grupos da Copa Libertadores da América, o presidente da Conmebol, Alejandro Domínguez, comentou que a entidade teria “tolerância zero” em relação aos casos de racismo nos torneios continentais. O objetivo é enrijecer as punições para acabar com as ações, que tem se agravado nos últimos anos.

Confira os ataques racistas do jogo entre Palmeiras e San Lorenzo:

https://x.com/goleada_info/status/1775893934885294466?s=20

Isadora Reis

Estudante de jornalismo, torcedora assídua do futebol nacional e apaixonada por escrever sobre esportes.
Botão Voltar ao topo