Últimas Notícias do Fluminense

R$ 2,2 milhões! Gigante europeu se aproxima de joia do Fluminense

O lateral-esquerdo Jefté, de apenas 20 anos, foi emprestado pelo Fluminense ao APOEL, do Chipre, em importante negociação, que caminha de maneira válida até o final da atual temporada europeia, que chega ao fim em junho. De maneira surpreendente, o profissional tem se tornado destaque do elenco, chamando a atenção do clube e dos adversários.

Pensando no futuro do garoto, o vice-presidente do time, Nikos Kougialis, revelou que possui interesse em dar continuidade ao contrato do profissional, mas que ainda aguarda um posicionamento do jogador, que ainda não definiu sua prioridade sobre o futuro. Ao que parece, o Fluminense já entende a situação, e estaria ciente sobre a possibilidade de liberação de Jefté.

“Dissemos ao Fluminense que queremos mantê-lo e estamos dispostos a pagar a cláusula de compra. Agora cabe ao jogador decidir. Entramos em contato com ele, mas ainda não respondeu”, disse o dirigente do APOEL para a rádio local SuperSportFM. Os torcedores do APOEL acompanham a possibilidade de perto, entendendo ser um grande reforço ao ano.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Contrato de Jefté com o Fluminense é longo

Vale ressaltar que a opção de compra envolvendo Jefté, gira em aproximadamente 400 mil libras (aproximadamente R$ 2,2 milhões), como revelou o portal escocês Record Sport. O site ainda revelou que o profissional teve um acordo verbal com o Rangers, da Escócia, com o objetivo de iniciar conversas ao final da temporada. Com o Fluminense, possui acordo até o fim de 2026.

O Fluminense vive importante semana, e além de acompanhar de perto a situação de Jefté, também se prepara para o próximo desafio em campo. No próximo dia 29, o clube carioca entra em campo pela fase de grupos da Copa Libertadores da América, e enfrentará o Alianza Lima, em casa. Vale ressaltar que o Tricolor já está classificado no Grupo A.

Isadora Reis

Estudante de jornalismo, torcedora assídua do futebol nacional e apaixonada por escrever sobre esportes.
Botão Voltar ao topo