Últimas Notícias do FluminenseMercado da Bola do Fluminense

Promessa do Fluminense quer repetir feito que apenas Richarlison conseguiu

O garoto Giovanni Manson, meia e promessa do Fluminense, está tentando repetir as atuações de Richarlison. O meia se espelhar no atacante da seleção brasileira para ter sucesso. Contratado junto ao Ajax até o final da temporada de 2023, Manson saiu das categorias de base do Santos e busca estourar para o futebol profissional.

Contratado como uma aposta, o jogador conta com a pressão de outras apostas feiras pelo Fluminense que vingaram ou não. O perfil “Enciclopédia Tricolor”, que listou jogadores Sub-20 contratados para o profissional do Flu nos últimos 15 anos.

Em duas temporadas como atacante do Fluminense, Richarlison disputou 67 jogos, onde foi o suficiente para deixar saudades na torcida tricolor. m 2017, Richarlison foi titular em 33 dos 36 jogos que fez com a camisa do Fluminense. Na temporada, foi artilheiro do Flu no Campeonato Carioca, com oito gols marcados em 12 jogos. Richarlison é jogador do Tottenham.

Outra aposta do Fluminense foi no lateral Marlon, contratado depois de ter atuado em mais de 40 partidas pelo Criciúma com apenas 19 anos. Chegou em definitivo ao Flu em 2019, mas atuou pouco e encerrou a temporada com seis jogos e um gol com a camisa tricolor. 

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Manson também pode seguir os passos de Lanzini. Promessa do River Plate, o argentino chegou ao Flu no início da década passada e até fez parte do elenco campeão brasileiro com Abel Braga em 2012. Como era considerado “A Joia” entre os “hermanos”, a saída para dar vitrine ao jogador e ainda lucrar com uma possível venda foi emprestá-lo por duas temporadas depois da queda da equipe no Campeonato Argentino.

Fernando Diniz tem uma “dor de cabeça” no setor ofensivo do Fluminense; VEJA

Para a temporada de 2023 o técnico Fernando Diniz vai ter uma boa dor de cabeça para montar o esquema de ataque do Fluminense. Em 2022, com ano quase perfeito, o setor ofensivo do Flu foi montado por Jhon Arias e Cano, que juntos marcaram 60 gols.

Neste ano, o treinador vai precisar quebrar a cabeça para conseguir dar espaço a todos os jogadores. O Fluminense contratou o atacante Keno, que veio do Atlético-MG, e ainda tem Marrony e Lima, que buscam espaço no time titular.

Pedro Rocha

Pedro Rocha, natural de Fortaleza, Ceará. 24 anos. Formado em jornalismo pela Universidade de Fortaleza. Amante de futebol, apaixonado por notícias e curiosidades.
Botão Voltar ao topo