Últimas Notícias do FluminenseFluminense no Brasileirão

Partida será remarcada? CBF dá o veredito sobre lance polêmico envolvendo o Fluminense

Foi publicado nesta quarta-feira (23), no canal oficial da CBF no Youtube, um vídeo em que o chefe da comissão de arbitragem da entidade, Wilson Seneme, discute os lances polêmicos da 20ª rodada do Campeonato Brasileiro com o árbitro Péricles Bassols.

Um dos lances discutidos ocorreu no confronto entre Fluminense e América Mineiro, no último sábado (19): o meio-campista tricolor Lima teria sofrido falta dentro da área adversária, mas conseguiu se manter de pé e finalizou.

A não marcação do penal pelo árbitro Flavio Rodrigues de Souza deixou Diniz e sua comissão técnica revoltados.

“A gente teve um pênalti claro não marcado. E não tem lógica, é incompreensível a não marcação de alguns pênaltis. Esse foi mais fácil de marcar até do que o do Grêmio, porque embora o Lima tivesse conseguido se desvencilhar da falta, a falta que o jogador do América fez tirou a possibilidade do Lima fazer gol e não dava para trocar um pênalti por aquela situação. É incompreensível a não marcação do pênalti”, comentou Diniz em entrevista após a vitória tricolor por 3 a 1, de virada.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Chefe da comissão de arbitragem defende não marcação de pênalti para o Fluminense

No vídeo divulgado pela CBF, Wilson Seneme afirma que a decisão do árbitro de campo foi correta, e que não houve pênalti em Lima:

“Infração é o que ocorre quando o contato que um jogador realiza contra o corpo de um adversário impede o movimento desse, que ele impeça o movimento dele. Isso é a tradução do que é a regra do jogo. Ele pode dificultar o movimento? Pode. Há um limite”, disse Wilson.

“A melhor maneira de você ver se impacta o movimento do jogador e se impede ele de jogar, é olhando ao vivo”, ele justificou, antes de prosseguir falando sobre como o slow-motion pode afetar a percepção quanto a um lance.

Seneme defendeu que Lima conseguiu finalizar, e que o defensor em nada atrapalhou a jogada.

Pedro Sosa

Estudante de cinema que ama filmes e ainda não se encontrou na área, também apaixonado por futebol e pelo Fluminense. Grande admirador de cineastas disruptivos e que desaprovam o cinismo, e também obcecado pelas canhotas mágicas dos camisas 10 que desfilam nos gramados; ou seja: fã de Jean-Luc Godard e Lionel Messi.
Botão Voltar ao topo