Últimas Notícias do Fluminense

Novo técnico do Galo revela tática que vai utilizar para vencer Fluminense de Fernando Diniz

Após um período entre altos e baixos ao comando do técnico Felipão, deixando uma marca negativa recente, especialmente em relação aos clássicos contra o Cruzeiro, o Galo anunciou a contratação de Gabriel Milito. O treinador argentino não é desconhecido, e já enfrento o Fluminense de Fernando Diniz, na Copa Libertadores da América. A expectativa em relação ao nome é grande.

Em entrevista concedida ao jornalista Juan Pablo Varsky, Milito comentou sobre como foi enfrentar o Fluminense de Fernando Diniz nas oitavas de final da Copa Libertadores de 2023, quando estava ao comando do Argentinos Juniors. O profissional impressionou os torcedores com o conhecimento sobre o clube brasileiro.

“Nós jogamos o primeiro jogo contra o Fluminense nas oitavas de final da Copa Libertadores da América. Nós jogamos em casa, e naquele dia sentíamos que tínhamos que jogar com dois atacantes. O Fluminense é um time muito bom, que fazia algo que não tinha acontecido nunca, que era acumular jogadores nas laterais,”, iniciou Gabriel Milito.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Milito se desdobra entre a organização do Fluminense

O profissional ainda prosseguiu, dando explicação à sua fala sobre o Fluminense: “O ponta esquerdo, Arias, vinha jogador com o ponta direito do mesmo lado”. O entrevistador ainda respondeu: “Foi assim que fizeram o primeiro gol da final contra o Boca Juniors. “Exatamente. Bem, eles fizeram gol no River”, completou Milito. Assim, o profissional demonstra conhecimentos importantes do futebol do Brasil.

“Te juntavam muita gente, e você, para se organizar, e pelo menos igualar a quantidade de jogadores que eles tinham, mais a qualidade que tinham, você tinha que colocar e tivemos que tirar o líbero”, explicou. Sua primeira missão com a camisa do Atlético-MG, foi o jogo de ida da final do Campeonato Mineiro, quando enfrentou o Cruzeiro, no último sábado (30).

Isadora Reis

Estudante de jornalismo, torcedora assídua do futebol nacional e apaixonada por escrever sobre esportes.
Botão Voltar ao topo