Fluminense na Libertadores

Nova parcial de ingressos para Fluminense x Colo-Colo é assustadora

Nesta terça-feira (9), o Fluminense enfrentará mais um importante desafio na temporada e receberá o Colo-Colo no Maracanã, pela segunda rodada da fase de grupos da Copa Libertadores da América. O confronto é extremamente esperado pelo torcedor, especialmente por estar em busca da primeira vitória na edição de 2024. A estreia terminou em empate em 1 a 1 contra o Alianza Lima.

Entendendo a importância de conquistar a vitória em casa, os torcedores prometem realizar uma importante festa no Maracanã. O clube divulgou a quinta parcial de ingressos vendidos para o jogo, completando mais de 43 mil pessoas garantidas no estádio. Nas redes sociais, o Fluminense vem comemorando as marcas e anunciando as vendas ao torcedor.

Enquanto o Fluminense estreou na Libertadores com empate de 1 a 1 fora de casa, em um importante confronto contra o Alianza Lima, no Peru, o time chileno recebeu o Cerro Porteño (PAR) e ganhou por 1 a 0. O Grupo A é dono de grande atenção entre os adversários, considerando que o Tricolor chega como o atual campeão da competição, tendo conquistado o título sobre o Boca Juniors.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Diniz pode promover alterações no Fluminense

Em período de treinamento, longe dos gramados, o técnico Fernando Diniz realizou testes e pode considerar começar o jogo do Fluminense com Martinelli atuando como zagueiro. Além disso, é esperado que Paulo Henrique Ganso e Germán Cano, que ainda estão retornando de lesão, sejam titulares na equipe. Os retornos são extremamente importantes ao time.

A decisão de acionar Martinelli como zagueiro pode ser influenciada pelo estilo de jogo do Colo-Colo, que está sendo treinado por Jorge Almirón, conhecido por suas estratégias. O clube entende a necessidade de corrigir os erros que foram cometidos na estreia contra o Alianza, especialmente em relação aos contra-ataques, algo que não é característico do time.

Isadora Reis

Estudante de jornalismo, torcedora assídua do futebol nacional e apaixonada por escrever sobre esportes.
Botão Voltar ao topo