Últimas Notícias do FluminenseDestaquesFluminense na Copa do BrasilJogos e Partidas do FluminenseMercado da Bola do Fluminense

Mário Bittencourt não titubeia e faz revelação sobre volta de atacante ao Fluminense

Atleta foi reintegrado após processo conturbado

Após derrotar o Sampaio Corrêa pela segunda vez seguida na terceira fase da Copa do Brasil, o Fluminense carimbou passagem às oitavas de final da competição. No entanto, além de Jhon Arias ter brilhado em campo, John Kennedy também estufou as redes adversárias. Em coletiva de imprensa, o mandatário tricolor, Mário Bittencourt, falou sobre a reintegração do camisa 9 após atos de indisciplina.

Depois de ter caída nas graças da torcida do Fluminense com o gol que garantiu o título da Libertadores 2023, John Kennedy não conseguiu render o esperado na temporada atual. Como forma de punição por falta de compromisso com as vestes verde, branco e grená, o atacante foi afastado do elenco principal, mas sua volta foi comemorada por Bittencourt.

– O mais importante é que o JK possa ser não só um grande jogador, mas também no futuro um exemplo pros filhos dele, outros atletas jovens. A gente fica muito feliz que ele tenha retornado, que tenha entendido que era importante o momento que ele passou. A gente espera que ele se mantenha dessa forma. Dizemos muito para ele internamente: temos nossa parcela de contribuição, mas quem tem que querer se ajudar, se salvar, é ele. Em relação à vida como um todo. Qualquer pessoa que tenha um problema de ordem pessoal, comportamental, precisa buscar ajuda, mas tem que querer. É muito mais o querer do John do que nós sermos considerados por ele ter voltado. A gente fez o que tinha que fazer, com toda a convicção do mundo – disse o dirigente.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Relembre os casos de indisciplina no Fluminense

Antes do embate contra o Vasco da Gama, em jogo válido pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro, John Kennedy, Alexsander, Arthur e Kauã Elias organizaram festa em quarto de hotel enquanto o restante do elenco se concentrava. Como forma de punição, a diretoria do Fluminense afastou o quarteto por dois jogos (Cerro Porteño e Corinthians).

Apesar de terem sido reintegrados, John Kennedy seguiu mostrando sua falta de compromisso com o plantel das Laranjeiras. Nesse ínterim, o craque foi novamente afastado por ter faltado ao treino no CT Carlos Castilho e não ter justificado o motivo. Agora, mostrando sua versão goleadora, o camisa 9 tenta recuperar a confiança da torcida, dirigentes e demais jogadores do Fluminense.

Iara Alencar

Sou apaixonada por esportes, principalmente pelo futebol. Trabalho há cinco anos como redatora esportiva e publico matérias sobre as principais ligas da modalidade. Adoro escrever e estar por dentro de tudo que envolva o mundo da bola.
Botão Voltar ao topo