DestaquesEx-Jogadores e Ídolos do FluminenseÚltimas Notícias do Fluminense

Mário Bittencourt e Fred acertaram a saída de volante do Fluminense

Atualmente aposentado após uma histórica carreira no futebol brasileiro e mundial, o ex-atacante Fred, que hoje atua como dirigente do Fluminense, tem em seu passado uma longa história com o clube das Laranjeiras. Chegando ao clube em meio à crise de 2009, o jogador não só salvou o Flu da queda para a Série B daquele ano como nas outras temporadas se consolidou como ídolo, empilhando taças pelo Tricolor carioca.

Recentemente, após voltar ao Brasil depois de anos fora, o volante Maurício, que atuou com o jogador no Flu em 2009, concedeu uma entrevista ao portal GE onde falou sobre sua relação com o atual dirigente do Tricolor, ainda explicando sobre a influência do atacante em sua saída do Flu.

Maurício jogou no Fluminense de 2007 até 2009. O Flu, inclusive, foi seu único clube no Brasil, onde mais se destacou, criando carreira na Europa, onde jogou por Terek Grozny, Zenit, Paok, e entre outros. Pelo Tricolor, foram 88 jogos com quatro gols e duas assistências.

Maurício fala sobre saída do Flu e ajuda de Fred

Durante uma entrevista concedida ao portal GE, o ex-volante Tricolor relatou a importância de Fred no Flu na época em que ambos estavam lá. Maurício afirmou que o ex-atacante foi um dos principais responsáveis por aconselhá-lo a se transferir para a Europa.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

“Ele (Fred) me surpreendeu bastante, porque é um cara simples, de grupo, protetor, líder, quando tinha que colocar a cara na frente dos dirigentes ou da torcida, quando tínhamos alguns problemas. Era o primeiro. Sou até um pouco suspeito para falar dele, porque tenho um carinho enorme por ele, mesmo não mantendo um contato diário.” – Falou Mauricio, que ainda completou:

“Tanto é que talvez ele não lembre, mas foi uma das pessoas que me apoiou muito na minha decisão de sair do Brasil. Com a experiência dele, viu como um momento para dar opinião para um garoto de 20 anos, tentar enxergar a vida de outra forma. Tenho um carinho e um respeito muito grande por ele, é um grande profissional e foi uma das pessoas que me ajudou na minha decisão.” – Disse ele, acrescentando:

“O Mário, não era presidente, ele trabalhava como advogado no clube e conseguiu me ajudar. Em 2010 eu saí e fui seguir a minha vida em outro caminho, mas ainda tinha um ano de contrato com o Fluminense. Mas não ficou nenhuma mágoa, muito pelo contrário, só agradecimento e carinho pelo clube e pelos torcedores. Só que a vida da gente tem que seguir.” – Finalizou Mauricio, ainda falando sobre o atual presidente do clube, Mario Bittencourt.

Leonardo Simões

Trabalhar com futebol é algo que hoje é minha maior realização, por mais que em outras áreas eu tenha uma boa qualidade é no futebol que eu me identifiquei.Também sou apaixonado por basquete e sempre tento acompanhar todas as ligas, sendo bem antenado a acompanhar diversos esportes além do futebol.Antes de trabalhar com futebol fiz diversos trabalhos, sendo de atendente em shopping até vendedor em televendas, e principalmente após começar a faculdade de jornalismo decide rumar para a área esportiva.
Botão Voltar ao topo