Últimas Notícias do FluminenseFluminense no Cariocão

Marcelo rasga o verbo sobre a arbitragem em Flamengo x Fluminense

No último sábado (9), o Fluminense recebeu o Flamengo no Maracanã, no confronto de ida da semifinal do Campeonato Carioca. Mesmo com a oportunidade de atuar ao lado da torcida, buscando uma vantagem em relação ao rival, o Tricolor acabou sendo derrotado por 2 a 0. O resultado deixou a desejar, gerando uma preocupação extra para o confronto de volta.

No segundo tempo do clássico, Thiago Santos foi expulso após revisão do lance do VAR. No entanto, mesmo longe da vitória, distante da atuação esperada, a responsabilidade não foi direcionada à arbitragem. Quem comentou sobre o assunto foi o lateral-esquerdo Marcelo, mostrando sua visão sobre o trabalho feito pelo árbitro Yuri Elino. O jogador reconheceu o erro da equipe.

“Hoje não (há motivos para reclamar do juiz)  Eu dificilmente falo dos árbitros. Tento não falar. Às vezes erram contra e outras pra gente. Hoje não vi nada. No calor do jogo, tem o VAR, tem um montão de coisas” disse. “Sou tricolor e quero que ninguém seja expulso. Hoje não tem o que falar de árbitro. O erro foi nosso. Somos jogadores e nós que temos de reverter o placar”, completou.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Fluminense se atrapalha após expulsão

O primeiro tempo foi completamente dominado pelo Flamengo, pressionando o adversário em busca do primeiro gol. O Fluminense não conseguiu ameaçar a equipe comandada pelo técnico Tite. Assim, a equipe rubro-negra conseguiu surpreender nos acréscimos, quando Pulgar, em um importante cruzamento, encontrou Cebolinha dentro da área.

As substituições feitas pelo técnico Fernando Diniz acabaram funcionando, uma feita no intervalo: Marcelo por Diogo Barbosa; e outra após três minutos, no momento em que Lima entrou no lugar de Ganso. A segunda mexida acabou sendo necessária, após lesão do atleta. Contudo, os problemas voltaram com a expulsão de Thiago Santos, que deu carrinho pesado em Cebolinha.

Isadora Reis

Estudante de jornalismo, torcedora assídua do futebol nacional e apaixonada por escrever sobre esportes.
Botão Voltar ao topo