Últimas Notícias do Fluminense

Marcelo Gallardo já passou super vergonha no Mundial de Clubes e agora vai treinar rival do Fluminense no torneio


Marcelo Gallardo é o recém-contratado treinador do Al Ittihad, um dos rivais do Fluminense no Mundial de Clubes da FIFA deste ano. O ex-técnico do River Plate chegou a um acordo com o clube saudita e está programado para desembarcar no país neste final de semana para formalizar o contrato.

O argentino assume a função deixada por Nuno Espírito Santo, o qual foi demitido após a inesperada derrota para o Air Force, do Iraque, na semana passada, pela Champions League da Ásia.

Em 2018, o treinador teve um vexame no mundial. Comandando o River Plate, ele foi eliminado nas semifinais do Mundial de Clubes, que aconteceu nos Emirados Árabes, ao perder nos pênaltis para o Al Ain por 5 a 4, após o empate por 2 a 2 no tempo regulamentar.

Na ocasião, Borré marcou duas vezes para os argentinos, enquanto Berg e Caio Lucas anotaram para os árabes. O jogo começou com um susto para os argentinos, quando Berg abriu o placar com dois minutos após desviar uma cobrança de escanteio fechada. No entanto, o River reagiu rapidamente. Com dois gols de Borré, o campeão da Libertadores empatou aos nove minutos e virou aos 15.

O Al Ain chegou a empatar nos acréscimos do primeiro tempo, mas o gol foi anulado pelo VAR devido a um impedimento de El Shahat.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

No início do segundo tempo, o brasileiro Caio fez uma jogada individual pela esquerda e chutou no contrapé de Armani, igualando o placar. O River teve a oportunidade de retomar a liderança, mas Martínez acertou o travessão ao cobrar o pênalti sofrido por Casco.

Marcelo Gallardo foi eliminado nos pênaltis

O 2 a 2 levou a partida para a prorrogação, onde ambos os times cansados não conseguiram definir o classificado. A vaga na final do Mundial foi decidida nos pênaltis; Caio, Shiotani, Mohammed e Abdulrahman converteram para o Al Ain, enquanto Scocco, Quintero, Pratto e Borré marcaram para o River.

Na última cobrança, Rayan marcou o gol decisivo, enquanto Enzo Pérez parou na defesa de Khalid Essa. O resultado coloca os donos da casa, que já haviam eliminado Team Wellington e Esperance, na final do Mundial de Clubes.

O grande vencedor de 2018 foi o Real Madrid, que venceu o Al Ain. Modrić, Llorente, Sergio Ramos e Yahia Nader (contra) marcaram os gols para a equipe merengue.

Alvaro Cunha

Completamente apaixonado por esportes, videogames e cinema. Acompanha diversas competições de futebol, futebol americano, corridas, golfe e outros esportes.
Botão Voltar ao topo