Últimas Notícias do FluminenseDestaquesFluminense no BrasileirãoJogos e Partidas do Fluminense

Lima revela se Fluminense vai abdicar de tiki taka de Diniz

Meia está de fora do clássico contra o Botafogo

Aos trancos e barrancos o Fluminense permanece tentando se reerguer na principal competição nacional. Após seis rodadas, o Tricolor das Laranjeiras acumula uma vitória, dois empates e três derrotas, que culminaram com sua estadia na 17ª posição do Campeonato Brasileiro. Apesar das oscilações, o meia Lima afirmou que a saída de bola permanece ineficiente, mas que as façanhas não serão remodeladas a fim de buscar novos resultados.

Nesta segunda-feira (13), o Fluminense foi derrotado por 2 a 1, de virada, no Morumbi. Enquanto o São Paulo pegou o elevador, o Time de Guerreiros se afundou ainda mais no Z-4. Em entrevista cedida ao SporTV, Lima não escondeu sua insatisfação com os erros contínuos do elenco de Xerém, mas reforçou que os trabalhos do técnico Fernando Diniz trarão resultados nos próximos compromissos.

— Erros vão acontecer na saída. Trabalhamos para isso. Não pode ter medo. Infelizmente aconteceu. Faz parte. Já ganhamos vários jogos usando a nossa saída de bola – disse o meia.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Apesar de confirmar a necessidade de melhora, Lima não estará disponível para o clássico contra o Botafogo, no dia 25 de maio. Sobretudo, o camisa 45 recebeu seu terceiro cartão amarelo diante do Tricolor do Morumbi e por isso irá cumprir suspensão automática. No entanto, nesta quinta-feira (16), o jogador poderá ser convocado para o duelo diante do Cerro Porteño, pela quinta rodada da fase de grupos da Libertadores da América, no Maracanã.

Fluminense na temporada 2024

Na atual temporada, o Fluminense tem acumulado diversas críticas vindo das arquibancadas. Mesmo faturando a taça da Recopa Sul-Americana, o elenco de Diniz contabiliza 11 vitórias, oito empates e sete derrotas, além de ter marcado 33 gols e ter visto sua defesa falhar 28 vezes. Potencializando ainda mais as oscilações, o tricolor está à frente apenas de Cuiabá, Atlético-GO e Vitória da Série A.

Iara Alencar

Sou apaixonada por esportes, principalmente pelo futebol. Trabalho há cinco anos como redatora esportiva e publico matérias sobre as principais ligas da modalidade. Adoro escrever e estar por dentro de tudo que envolva o mundo da bola.
Botão Voltar ao topo