Últimas Notícias do FluminenseDestaquesFluminense no BrasileirãoJogos e Partidas do Fluminense

John Textor acusa o Tricolor de fraude e terá que responder na Justiça

Mandatário do Botafogo faz acusações graves

Um dos assuntos que mais tem ganhado notoriedade nas últimas semanas envolve John Textor, acionista da SAF do Botafogo, e as acusações feitas em relação à fralde no Campeonato Brasileiro. Sem colocar as provas na mesa, o mandatário norte-americano externou que o São Paulo estaria envolvido na manipulação de resultados com a finalidade de alterar o resultado final da principal competição nacional, no ano de 2023.

Por intermédio de seu site oficial, John Textor explicou que contatou uma empresa especializada em analisar fraldes em partidas espalhadas por todo o mundo. Na ocasião, a principal declaração fez referência à goleadas sofrida pelo Tricolor do Morumbi por 5 a 0, contra o Palmeiras. Em resumo, o estadunidense afirmou que há provas imprescindíveis contra o São Paulo, uma vez que o atual campeão da Supercopa do Brasil entregou os pontos ao rival.

– “O jogo Palmeiras x São Paulo de outubro de 2023 foi, segundo grandes especialistas e inteligência artificial, manipulado por pelo menos cinco (5) jogadores são-paulinos. Um total de sete (7) jogadores apresentaram desvios anormais em situações-chave de marcação de gols, embora apenas cinco (5) jogadores tenham ultrapassado os limites que estabeleceriam provas claras e convincentes de manipulação do jogo. Deve ficar claro que as provas não estabelecem o motivo, nem sugerem que qualquer clube ou qualquer parte tenha sido responsável pela manipulação, para além dos jogadores específicos identificados” – postou o mandatário do Botafogo.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Revolta de John Textor é possível denúncia

Na temporada passada, o Glorioso acabou perdendo um dos títulos mais ganhos da história do Campeonato Brasileiro. Após abrir 13 pontos de vaga tem sob o segundo colocado, o Botafogo sucumbiu e finalizou a Série A ocupando a 5ª posição. Para justificar o tropeço do alvinegro, o acionista contratou uma equipe para verificar a idoneidade do clube. Em contrapartida, o São Paulo não se calou diante das acusações e prometeu adotar medidas cabíveis contra o acusador.

– “O São Paulo Futebol Clube tomou conhecimento e repudia veementemente as graves e infundadas acusações de participação de atletas do elenco tricolor em manipulação de resultado feitas pelo dono da SAF Botafogo. Tal afirmação sem nenhum vestígio de prova ataca a idoneidade de jogadores do elenco profissional masculino e a lisura da instituição São Paulo FC em seus 94 anos de história. O clube já acionou seu departamento jurídico, que estudará e tomará as medidas cabíveis na esfera legal” – afirma o comunicado do São Paulo, sobre Textor.

Iara Alencar

Sou apaixonada por esportes, principalmente pelo futebol. Trabalho há cinco anos como redatora esportiva e publico matérias sobre as principais ligas da modalidade. Adoro escrever e estar por dentro de tudo que envolva o mundo da bola.
Botão Voltar ao topo