Fluminense na LibertadoresÚltimas Notícias do Fluminense

Ídolo do Fluminense se revolta com a Prefeitura do Rio de Janeiro

Prefeitura beneficiou o Boca Juniors

A final da Libertadores está se aproximando e com ela muitos debates vieram à tona. Um personagem conhecido do Fluminense, o ex-meia Gerson, utilizou seu canal no YouTube para declarar sua indignação com todos os envolvidos no espetáculo continental. No entanto, as maiores críticas foram direcionadas ao Prefeito Eduardo Paes, que atende as regalias dos argentinos e menospreza os pedidos dos tricolores.

Em vídeo publicado, Gerson projetou o confronto entre Fluminense e Boca Juniors no Maracanã e falou sobre as expectativas criadas para a realização da final. Segundo o ídolo tricolor, a Prefeitura do Rio de Janeiro acaba por facilitar a vida dos argentinos, enquanto os brasileiros são massacrados quanto jogam em seu país.

“Todo tricolor está pau da vida com o prefeito do Rio de Janeiro. A gente sai daqui pra ir jogar com os Hermanos, na Argentina, e somos apedrejados lá. Chamados de macaco e outras coisas. Eles chegam aqui e ele (Prefeito) abre as pernas pra eles. Bota os caras no melhor lugar.” – iniciou Gerson

Visivelmente inconformado, o Canhotinha de Ouro citou as diversas proibições da Prefeitura que prejudicaram única e exclusivamente o Fluminense. No mais, Gerson finalizou afirmando que todos que chegam para jogar no Brasil podem fazer qualquer coisa, enquanto os times brasileiros não possuem o mínimo de dignidade possível fora do país. O desabafo central foi a invasão nas Laranjeiras.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

“O Boca está no terreirão, nas Laranjeiras. Isso não pode. Não pode abrir para os torcedores do Fluminense. Por que que não pode? Por que que não pode botar um telão lá nas Laranjeiras? Eu estou na minha casa. A Laranjeiras é a minha casa. Eu coloco na minha casa quem eu quero. Ninguém manda na por** da minha casa.” – finalizou Canhotinha.

Fluminense pensando no dinheiro

Não é à toa que a Copa Libertadores da América é a principal competição continental. Somente por garantir passagem para a grande decisão o Fluminense faturou o equivalente a R$ 34,5 milhões. No entanto, esse valor pode atingir casas alarmantes nos próximos dias. Assim, caso conquiste o título, o tricolor irá desembolsar mais R$ 88,8 milhões, chegando assim a R$ 123,3 milhões.

Se os valores já são assustadores, somando tudo o que foi adquirido desde a fase de grupos os cofres do Fluminense estão transbordando. Em resumo, a cada rodada a Conmebol pagou uma quantia pré-estabelecida e até o momento o time carioca faturou 9,15 milhões eu dólares, o que corresponde a R$ 48,1 milhões. É válido destacar que a previsão orçamentária do Flu no início da temporada era de R$ 71,5 milhões.

Iara Alencar

Sou apaixonada por esportes, principalmente pelo futebol. Trabalho há cinco anos como redatora esportiva e publico matérias sobre as principais ligas da modalidade. Adoro escrever e estar por dentro de tudo que envolva o mundo da bola.
Botão Voltar ao topo