Últimas Notícias do Fluminense

Gabriel Pires vai deixar o Fluminense após sequência de lesões?

Mesmo enfrentando uma importantes sequência de compromissos na temporada, o técnico Fernando Diniz ainda não trabalha com grande tranquilidade, especialmente considerando as presenças importantes no Departamento Médico. No caso de Gabriel Pires, um dos reforços anunciados para o ano do Tricolor, ainda não consegue jogar e é ausência no elenco.

Em seu canal no YouTube, o jornalista Victor Lessa comentou sobre o volante, afirmando que ele tem passado mais tempo no departamento médico do que dentro dos gramados, algo indesejado pela equipe e pelo próprio profissional. Sentindo dores no joelho esquerdo, Gabriel Pires está distante das possibilidades do técnico Fernando Diniz, e não é relacionado para os jogos.

De acordo com o próprio clube, o jogador vem seguindo suas atividades previstas sobre tratamento. Como garante Lessa, o problema não é algo simples de ser solucionado. Em um primeiro momento, o treinador gostaria de testá-lo como zagueiro, especialmente para suprir algumas necessidades no time. No entanto, caso não se recupere, pode ser descartado das possibilidades.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Fluminense aguarda novidades sobre a evolução de Gabriel Pires

De acordo com o jornalista, o volante tem realizado tratamento e, quando se recupera, volta e sente dores nos treinamentos, regredindo ao processo. Como se trata de um problema repetitivo, ainda sem grande evolução para o fim, pode indicar um problema crônico. Assim, não há qualquer tipo de previsão que aponte um retorno para os treinos em grupo com o Fluminense.

Com a camisa do Botafogo, Gabriel Pires também acumulava importantes expectativas, no entanto, chegou a ficar três meses longe das possibilidades, por enfrentar um problema na panturrilha direita. O NETFLU chegou a questionar sobre o atleta para um narrador da Botafogo TV, o jornalista Carlos Eduardo Macri, e ele alertou sobre as lesões que impediam a continuidade.

Isadora Reis

Estudante de jornalismo, torcedora assídua do futebol nacional e apaixonada por escrever sobre esportes.
Botão Voltar ao topo