Últimas Notícias do Fluminense

Fred, Cano e Marcão possuem recorde em comum no Fluminense

O Fluminense iniciou sua busca pelo tricampeonato Carioca, tendo vencido as duas últimas edições do torneio estadual. O atacante Germán Cano, atualmente no clube, marcou gols nas duas finais recentes, tornando-se o terceiro jogador neste século a realizar esse feito com a camisa do Tricolor das Laranjeiras.

Os outros dois jogadores que conseguiram esse feito também têm uma ligação atual com o clube das Laranjeiras. Um deles é o ex-atacante Fred, ex-jogador e atual diretor esportivo do clube. O outro é Marcão, que faz parte da comissão técnica permanente do Time de Guerreiros e está treinando o clube interinamente durante o período de férias de Fernando Diniz e boa parte do elenco.

Fred, Cano e Marcão são recordistas do Fluminense

A seguir estão as conquistas de cada um desses jogadores na história do Fluzão:

  • Germán Cano: Campeonato Carioca de 2022 (contra o Flamengo) e Campeonato Carioca de 2023 (contra o Flamengo).
  • Fred: Campeonato Carioca de 2012 (contra o Botafogo) e Campeonato Carioca de 2021 (contra o Flamengo).
  • Marcão: Campeonato Carioca de 2002 (pelo Americano) e Campeonato Carioca de 2005 (pelo Volta Redonda).

Esses três jogadores contribuíram para o Tricolor dentro de campo em diferentes momentos. Marcão e Fred seguem trabalhando no time das três cores, mas em papéis diferentes, enquanto Cano segue como jogador, tendo uma marca surpreendente de gols pelo Flu nos últimos anos.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Desta forma, todos os trêsajudaram para o sucesso do Fluminense no Campeonato Carioca ao longo dos anos, marcando seus nomes na história do clube com suas atuações em finais. É um feito notável e demonstra a importância deles para o time carioca ontem e hoje.

Alvaro Cunha

Completamente apaixonado por esportes, videogames e cinema. Acompanha diversas competições de futebol, futebol americano, corridas, golfe e outros esportes.
Botão Voltar ao topo