Últimas Notícias do FluminenseDestaquesJogos e Partidas do Fluminense

Fluminense e outros clubes do Brasil se unem para prejudicar o Palmeiras

Situação caótica do alviverde coloca em evidência necessidade de medidas drásticas

Um dos grandes embates nacionais vem sendo a adoção do gramado sintético por parte de alguns clubes da elite do futebol brasileiro. Em entrevista coletiva cedida nesta terça-feira (30), o presidente do Fluminense, Mário Bittencourt, foi incisivo quanto sua luta em auxiliar na proibição do falso gramado, colocando em xeque a postura de Palmeiras, Botafogo e Athletico-PR.

Em jogo válido pela 3ª rodada do Paulistão, o Palmeiras encarou o Santos no Allianz Parque e apesar de ter vencido por 2 a 1, o clube foi alvo de diversas críticas. De modo geral, os jogadores de ambas as equipes questionaram o desgaste apresentado no gramado sintético, que passou a se desintegrar nas chuteiras. Por outro lado, ao ser questionado sobre o acontecimento, o presidente do Fluminense rasgou o verbo sobre os adversários.

– “Futebol sempre foi jogado em grama natural e o gramado sintético muda o jogo. O jogador fica mais lento, a bola prende mais e o quique é diferente, mas rápido. A Fifa aprovou, mas não necessariamente é bom. Você joga 80% no campo natural (…) Os times que não têm campo sintético, muitas vezes poupam. Assim, o time que tem campo sintético, muitas vezes pegam outros que estão poupando ” – iniciou Mário Bittencourt.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Críticas ao Palmeiras e demais clubes

Potencializando ainda mais ser contra o uso da grama sintética no futebol brasileiro, o mandatário do Fluminense colocou em destaque algumas contradições da FIFA. Apesar de não proibir o gramado falso, a entidade não realiza jogos da Copa do Mundo nas mesmas condições. Por outro lado, as principais ligas internacionais também são contra o piso artificial.

– “A Fifa não faz Copa em campo sintético. Se é tão mais barato e não é ruim, por que não joga o mundo inteiro na sintética? Por que as melhores ligas do mundo não jogam? Os jogadores não gostam de jogar. Essa não é só uma posição do Fluminense. Mas eu garanto que a maioria dos clubes da Série A é contra. Quando saiu a reportagem lá da gosma no jogo do Palmeiras, recebi mensagens de oito presidentes dizendo: “Olha aí, não dá pra continuar com isso”. Mas isso é coisa pra arbitral. E não podemos ser injustos. Se for proibido, os clubes que têm precisam ter tempo para mudar o campo – disse o mandatário do Fluminense.

No mais, é válido destacar que as ligas da Inglaterra, Espanha, Itália, Alemanha, França, Portugal e Holanda são a favor apenas da utilização do gramado natural em suas partidas. Sendo assim, o questionamento sobre até quando Palmeiras, Botafogo e Athletico-PR vão permanecer remando contra os outros clubes nacionais e internacionais.

Iara Alencar

Sou apaixonada por esportes, principalmente pelo futebol. Trabalho há cinco anos como redatora esportiva e publico matérias sobre as principais ligas da modalidade. Adoro escrever e estar por dentro de tudo que envolva o mundo da bola.
Botão Voltar ao topo