Últimas Notícias do Fluminense

Fluminense e Cerro Porteño já protagonizaram jogo polêmico na Libertadores

Nesta quarta-feira (20), a Conmebol compartilhou aos torcedores o vídeo com o áudio do VAR do gol anulado do Cerro Porteño, na derrota por 2 a 0 para o Fluminense em Assunção, pelo primeiro confronto das oitavas de final da Copa Libertadores da América. A entidade acabou revelando um erro identificado, citando que o lance foi anulado de maneira errada.

Pensando nas linhas, os responsáveis pelo VAR naquele momento, comandado pelo chileno Cesar Deishler, priorizaram ver a imagem de perto e acabaram deixando de lado a presença, no canto inferior, de Samuel Xavier, que possibilitava condições de Boselli. Consequentemente, a decisão foi realizada de forma equivocada, levando em consideração Luccas Claro.

“O assistente, em um cruzamento, levanta sua bandeira, assinalando impedimento de forma equivocada. O VAR checou a jogada com um ângulo muito fechado, deixando de levar em conta um defensor que está na parte inferior da tela para a colocação de linhas virtuais. Esse defensor habilitaria todos os atacantes, caracterizando um erro na decisão final”.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Fluminense acompanha decisões sobre confronto da Libertadores

A arbitragem ainda analisou em um primeiro momento, uma possível mão na disputa pelo alto na área. Os problemas ainda se desdobram de maneira impressionante, considerando que além da falha do VAR, o trio de arbitragem acabou se desdobrando de maneira negativa em campo. O bandeirinha deixou de lado o protocolo, que prioriza deixar a jogada terminar para só então apontar o impedimento.

No entanto, a jogada foi invalidada por impedimento, no entanto, Samuel Xavier dava condição na lateral do campo. Assim, o auxiliar levantou a bandeira ao invés de esperar o lance acabar. O torneio, no entanto, acabou ficando nas mãos do Fluminense, após ter derrotado o Boca Juniors na decisão. Foi sua primeira conquista da Copa Libertadores da América.

Isadora Reis

Estudante de jornalismo, torcedora assídua do futebol nacional e apaixonada por escrever sobre esportes.
Botão Voltar ao topo