Últimas Notícias do FluminenseDestaquesMercado da Bola do Fluminense

Fluminense bate o martelo sobre venda de John Kennedy

Atacante tem contrato com o Flu até 2026

Voando com a camisa do Fluminense, John Kennedy está com moral entre os torcedores após marcar o gol que garantiu o título da Libertadores da América 2023. Apesar de possuir vínculo válido até 2026, o jogador de 21 anos recebeu proposta do Lyon, da França. Contudo, mesmo enxergando o potencial do atacante em brilhar na Europa, o Tricolor das Laranjeiras recusou os valors postos à mesa.

A princípio, John Textor, detentor da SAF do Botafogo e acionista do Lyon, decidiu abrir conversas para contratar John Kennedy. Todavia, o clube francês sinalizou o pagamento de 10 milhões de euros (cerca de R$ 53 milhões na cotação atual) para contratar o atacante. Em contrapartida, a diretoria de Xerém não deu ouvidos às investidas.

De acordo com o jornalista Venê Casagrande, o Lyon estaria disposto a subir o montante para 12 milhões de euros (R$ 63 milhões). Além disso, pensando na rivalidade entre Fluminense e Botafogo, os franceses pensam em colocar cláusula que proiba John Kennedy de ser emprestado ao alvinegro carioca. Mesmo com a insistência, o Tricolor das Laranjeiras permanece irredutível.

John Kennedy fazendo história no Fluminense

Mostrando destreza dentro das quatro linhas, John Kennedy saiu do banco de reservas para decidir o título da Conmebol Libertadores. Com o empate prevalecendo na prorrogação, o atacante do Fluminense marcou o gol da virada e sacramentou o primeiro troféu continental do Tricolor das Laranjeiras. No mais, o jogador deixou sua marca registrada nas oitavas, quartas, semi e final da principal competição continental. Confira:

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

  • Fluminense 2 x 0 Argentinos Juniors (Oitavas de Final)
  • Olimpia 1 x 3 Fluminense (Quartas de Final)
  • Internacional 1 x 2 Fluminense (Semifinal)
  • Boca Juniors 1 x 2 Fluminense (Semifinal)

O atacante do Fluminense foi apenas o terceiro jogador brasileiro a marcar em todos os jogos do mata-mata da Libertadores. O primeiro deles foi Jardel, pelo Grêmio, em 1995, enquanto Gabriel Barbosa repetiu o feito pelo Flamengo, em 2019.

Apesar da pouca idade, o jogador conquistou títulos importantes para a sua prateleira de troféus. No mais, o camisa 9 detém: Libertadores da América (2023), Campeonato Carioca (2023), Campeonato Carioca Sub-20 (2021 e 2022) e Campeonato Carioca Sub-17 (2018 e 2019).

Iara Alencar

Sou apaixonada por esportes, principalmente pelo futebol. Trabalho há cinco anos como redatora esportiva e publico matérias sobre as principais ligas da modalidade. Adoro escrever e estar por dentro de tudo que envolva o mundo da bola.
Botão Voltar ao topo