Últimas Notícias do Fluminense

Fernando Diniz já desembarcou na CBF para assinar com a Seleção

O treinador Fernando Diniz chegou à Confederação Brasileira de Futebol (CBF) no início de setembro deste ano para assinar contrato como treinador interino da seleção brasileira, cobrindo a lacuna enquanto Carlo Ancelotti não chega para a vaga.

Durante as negociações, o presidente da CBF, Ednaldo Rodrigues, expressou o desejo de contar com Diniz até 2026, no ciclo de Ancelotti. No entanto, o técnico preferiu assinar um contrato de um ano e decidir no próximo ano se continuará na seleção como auxiliar do italiano. No entanto, ao que tudo indica, o treinador italiano renovou com o Real Madrid, e o cargo agora está vago.

Fernando Diniz ficará até junho de 2024

Fernando Diniz comandará a Seleção principal até junho de 2024, com a possibilidade de dirigir a equipe sub-23 no torneio pré-olímpico em janeiro, na Venezuela. Nas convocações sub-23, o treinador será Ramon Menezes, que permanecerá no comando da seleção sub-20.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Ao longo de seu período na Seleção, Diniz contará com três membros da comissão técnica do Fluminense, incluindo o auxiliar Eduardo Barros e os preparadores físicos Marcos Seixas e Wagner Bertelli. A comissão também terá integrantes remanescentes da era Tite, como o médico Rodrigo Lasmar e os analistas Bruno Baquete e Thomaz Araújo.

Diniz teve seis jogos válidos pelas Eliminatórias para a Copa do Mundo até então, não tendo um bom retrospecto. No entanto, ele poderá assumir a vaga da Seleção por mais tempo após a notícia da ausência de Ancelotti.

Alvaro Cunha

Completamente apaixonado por esportes, videogames e cinema. Acompanha diversas competições de futebol, futebol americano, corridas, golfe e outros esportes.
Botão Voltar ao topo