Últimas Notícias do Fluminense

Fábio revela motivo pelo qual o Fluminense parou de ganhar jogos

No último domingo, o Fluminense conquistou uma vitória no Brasileiro contra o Bragantino, encerrando uma sequência de cinco jogos sem vencer. No entanto, na quarta-feira seguinte, a equipe viajou para a Argentina e sofreu outra derrota.

Desta vez, foi uma derrota por 2 a 0 para o River Plate, no Monumental de Núñez, pela quinta rodada do Grupo D da Libertadores. Diante desse resultado, o experiente goleiro Fábio avaliou os motivos para a queda técnica da equipe. “A gente vai encontrar dificuldades. Os adversários analisam, veem os jogos. Todos tentam neutralizar essa forma do Fluminense jogar”

Segundo Fábio, é natural que, após o Fluminense se destacar com bom futebol e resultados positivos, os adversários passem a observar mais a equipe e busquem maneiras de neutralizá-la. Na visão do goleiro, essa atenção redobrada dos adversários pode ter contribuído para a queda de rendimento do time. No entanto, ele ressalta que agora é necessário focar no trabalho e se empenhar para voltar a vencer.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Situação do veterano

O goleiro, transferido para o Fluminense, recusou anteriormente a proposta do Cruzeiro, que oferecia apenas R$ 50 mil mensais caso ele permanecesse no clube.

Na época, a saída do jogador pegou os torcedores do Cruzeiro de surpresa, uma vez que ele não participou da fase de reestruturação do clube, incentivada pela gestão do ex-jogador Ronaldo Fenômeno.

Agora, no time carioca, Fábio recebe R$ 200 mil mensais, ou seja, a metade do que Rafael Cabral recebe para defender o Cruzeiro. Atuando pelo Tricolor do Rio, ele já disputou 90 partidas e em 40 delas não sofreu gol. Sua atuação tem sido destacada em alguns jogos, levando alguns torcedores cruzeirenses a questionarem a troca na defesa do Cruzeiro.

Rodrigo Simões

Apaixonado por futebol internacional e alternativo, assim como por lutas (MMA, sobretudo). A melhor coisa do mundo é desfrutar de um estádio em dia de jogo e de um bom show de rock n' roll.
Botão Voltar ao topo