Últimas Notícias do Fluminense

Ex-treinador do Fluminense é eternizado no Maracanã

Em importante início de temporada para o Fluminense, o ex-técnico Joel Santana recebeu uma merecida homenagem, eternizado com os pés na calçada da fama do Maracanã. Atuando como treinador, contou com três passagens com a camisa do Tricolor. A melhor campanha aconteceu ainda em 1995, quando levantou a taça do Campeonato Carioca, superando o favoritismo que o Flamengo carregava.

O resultado ficou marcado pelo barriga de Renato Gaúcho. Joel ainda esteve ao lado do Fluminense em 2003 e 2007. Em seu último ano, esteve ao comando do clube em algumas partidas pela Copa do Brasil, que terminou nas mãos do time. No entanto, acabou sendo demitido no meio dos compromissos e foi substituído justamente por Renato Gaúcho, que conduziu o time ao título.

No total, Joel Santana esteve ao lado do Fluminense em 85 jogos, com 38 vitórias, 24 empates e 23 derrotas. Na rede social X, antigo Twitter, o perfil oficial do Maracanã compartilhou alguns registros da homenagem. “Pra eternidade! Joel Santana foi homenageado e colocou os pés na calçada da fama da Casa do Inesquecível. Merecido demais, hein?”, revelou.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Fluminense retorna foco à Copa Libertadores da América

Agora, o Fluminense está ao comando do técnico Fernando Diniz, um nome extremamente importante para a trajetória do clube. Ainda na temporada passada, o treinador levou o clube à sua primeira taça da Copa Libertadores da América, valioso título que ainda faltava na prateleira do time. A final se desdobrou contra o Boca Juniors, no próprio Maracanã.

Na temporada de 2024, o treinador já retornou aos compromissos da Copa Libertadores da América, atuando no Grupo A, ao lado de Colo-Colo, Alianza Lima e Cerro Porteño. A equipe terá que se desdobrar entre grandes desafios ao ano, ainda em preparação para o retorno à Copa do Brasil e Campeonato Brasileiro. O maior problema ainda é em relação às lesões.

Isadora Reis

Estudante de jornalismo, torcedora assídua do futebol nacional e apaixonada por escrever sobre esportes.
Botão Voltar ao topo