Últimas Notícias do FluminenseDestaquesFla-FluFluminense no BrasileirãoJogos e Partidas do Fluminense

Everton Cebolinha não aguentou e deixou o Flamengo

Atacante enfrenta recorrentes problemas

Nesta quarta-feira (17), o a Flamengo recebeu o São Paulo em jogo válido pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro, no Maracanã. Apesar de ter vencido a partida por 2 a 1 e assumido a liderança da competição, o rubro-negro ligou seu sinal de alerta. Logo aos doze minutos da primeira etapa, Everton Cebolinha precisou ser substituído após sentir desconforto no tornozelo, precisamente no tendão de Aquiles.

Segundo o jornalista Venê Casagrande, Cebolinha tem sofrido com dores recorrentes na região afetada contra o São Paulo. Para não potencializar a contusão do jogador, o departamento médico realizará um exame de ressonância para diagnosticar uma possível lesão ligamentar. Dessa forma, é esperado que o atacante fique de fora do próximo compromisso do Flamengo, contra o Palmeiras, neste sábado (21).

– “Éverton Cebolinha está no Ninho do Urubu desde cedo fazendo tratamento no local da lesão. Daqui a pouco, o atacante vai realizar uma ressonância para saber a gravidade da contusão. O atacante já havia sentido um problema no tendão, no duelo com o Atlético-GO, e ontem, contra o São Paulo, precisou ser substituído no início do jogo com dores no mesmo local” – disse o jornalista.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Cebolinha no Flamengo

Presente no Flamengo desde 2022, Cebolinha não conseguiu deslanchar dentro de campo tanto quanto tem feito sob o comando de Tite. Para se ter noção, na temporada atual, o camisa 11 é um dos principais jogadores do sistema ofensivo rubro-negro com três gols e duas assistências. No então, o craque contabiliza 111 duelos com o Fla, sendo recompensado com 12 gols, 17 assistências, além dos seguintes títulos: Copa Conmebol Libertadores (2022), Copa do Brasil (2022) e Campeonato Carioca (2024).

Iara Alencar

Sou apaixonada por esportes, principalmente pelo futebol. Trabalho há cinco anos como redatora esportiva e publico matérias sobre as principais ligas da modalidade. Adoro escrever e estar por dentro de tudo que envolva o mundo da bola.
Botão Voltar ao topo