Últimas Notícias do Fluminense

Emerson Sheik revela que jogador usou camisa de rival estando no Fluminense

O nome de Gabigol ganhou extremo destaque nos últimos dias, em mais um momento por uma polêmica que se desdobra fora dos gramados. O jogador teve uma imagem vazada nas redes sociais, usando uma camisa do Corinthians. A torcida do Flamengo não ficou nada satisfeita com o que viu, e o atleta foi punido. De acordo com Emerson Sheik, outro atleta cometeu o mesmo erro, no Fluminense.

Em um vídeo divulgado nas redes sociais, Sheik não revelou o nome, no entanto, citou um passagem ao lado de Fernando Henrique, com quem atuou ao lado no Fluminense: “Me pediram pra contar uma de nossas resenhas, mas Fernando (Fernando Henrique), em uma de nossas resenhas, tinha um atleta que dormia e ia concentrar com a camisa de outro time, vai ter coragem de contar?”.

O vídeo rapidamente viralizou nas redes sociais, mas os comentários se desdobram em diferentes opiniões, especialmente pela polêmica criada neste momento. Mesmo que seja algo natural, que um atleta conte com um time do coração, utilizar a camisa de outro clube, ainda é visto de maneira negativa, especialmente por ser um atleta que já se desdobra em problemas.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

História de Sheik remonta decisão de Gabigol

Para o Flamengo, a história não foi perdoada, considerando que lhe rendeu uma multa de 10% do salário e a perda do número 10 do Flamengo, algo marcante. Em um primeiro momento, o jogador utilizou sua assessoria para garantir se tratar de uma imagem falsa. No entanto, com a decisão do clube carioca, ficou difícil negar o que tinha feito. Os torcedores do Fluminense acompanharam a declaração de perto.

“Primeiro, eu errei. Acho que é errar, pedir desculpas, saber que eu errei. Mas nesse momento que a foto saiu, eu fiquei muito perplexo. Fiquei sem entender. Esse período que fiquei sem falar, sem me pronunciar, foi um período que tirei para pensar. É claro que na emoção dos fatos, o meu primeiro pensamento foi negar. Como eu falo com meus amigos, eu coleciono camisas, troco camisas, seja de seleção, de basquete, e essa camisa eu acabei recebendo e usando”, disse Gabigol, em entrevista ao Uol.

Isadora Reis

Estudante de jornalismo, torcedora assídua do futebol nacional e apaixonada por escrever sobre esportes.
Botão Voltar ao topo