Últimas Notícias do Fluminense

Em Minas Gerais, Fábio recebeu a chave do Mineirão

Na noite da última quarta-feira (19), o Fluminense entrou em campo pela décima rodada do Campeonato Brasileiro, enfrentando o Cruzeiro, no Mineirão. O duelo marcou o reencontro entre Fábio e a equipe mineira, uma história de sucesso no futebol nacional. Mesmo vestindo a camisa da equipe carioca, o goleiro foi homenageado pela administração do Gigante da Pampulha.

O goleiro recebeu uma chave simbólica do estádio, levando o reconhecimento por ser o jogador com mais partidas do Mineirão, após sua reforma (entre 2010 e 2013). O chamado “novo Mineirão” completou seus 500 jogos. Fábio esteve no local pela quarta vez, desde que foi anunciado pelo Fluminense (terceira vez diante do Cruzeiro e um contra o Atlético-MG).

“Eu agradeço. São 500 jogos de muita história, de grandes jogadores que passaram aqui. Tenho que agradecer a Deus por fazer parte desta história do Mineirão, tanto do antigo quanto do novo, onde time muitas alegrias, comemorei títulos. E só agradecer a Deus e todos que fizeram parte e me deram a oportunidade de entrar em campo. Tenho que agradecer a torcida do Cruzeiro, o carinho e a gratidão. É uma satisfação imensa poder receber essa homenagem”, agradeceu Fábio.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Fábio participa de derrota do Fluminense

No total, Fábio entrou em campo em 406 momentos no Mineirão, contando com 398 jogos com a camisa do Cruzeiro, quatro pelo Vasco e mais quatro pelo Fluminense. Ao lado do clube carioca, terá um grande desafios em mãos, especialmente pela situação que se desdobra pelo Campeonato Brasileiro. No Gigante da Pampulha, foi derrotado por 2 a 0, com gols de William.

No momento, o Fluminense ocupa a última posição da tabela do Campeonato Brasileiro, contando com apenas seis pontos. O técnico Fernando Diniz foi extremamente cobrado pelo resultado, e grande parte dos torcedores que estavam no Mineirão, pediram a sua saída. Muitos acreditam que o título da Libertadores do ano anterior, tem segurado a permanência.

Isadora Reis

Estudante de jornalismo, torcedora assídua do futebol nacional e apaixonada por escrever sobre esportes.
Botão Voltar ao topo