Últimas Notícias do FluminenseDestaquesFluminense no BrasileirãoJogos e Partidas do Fluminense

Diniz tem saída solicitada no Fluminense

Treinador tem apresentado campanha oscilante

Em jogo válido pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro, o Fluminense foi derrotado por 2 a 1 para o Bahia, na Arena Fonte Nova. Apesar de jogar fora de casa, o Tricolor das Laranjeiras possuía armas suficientes para conseguir o triunfo se não fossem as escolhas erradas de Fernando Diniz. Perdendo a paciência com o treinador, os torcedores do Time de Guerreiros orquestraram um mutirão pedindo a saída imediata do técnico campeão da América.

Perder é ruim, mas perder insistindo no erro é pior ainda. Nesse contexto, os torcedores do Fluminense acreditam que Fernando Diniz esteja sendo cabeça dura no sentido de inventar na hora das escalações. De modo geral, o treinador vem utilizando jogadores em posições que não são de seus ofícios, e obviamente o time não está encaixando. Confira algumas postagens dos tricolores contra a permanência do professor:

– “A minha paciência com o Diniz acabou. Chega! Essa put@&¥* aí é sacanagem com o torcedor. Vai ser arrogante assim lá na casa do c@&$@¥£, mas bem longe do Fluminense. Coisa ridícula o que estamos vendo. O cara destruiu o que já estava péssimo. Ridículo” – escreveu um tricolor.

Potencializando ainda mais as atrapalhadas de Fernando Diniz, um outro torcedor do Fluminense afirmou que as escolhas do treinador estão colocando em xeque o desenvolvimento de alguns jogadores promissores, dentre eles André.

– “O Fernando Diniz está atrapalhando a carreira e desenvolvimento do André. André está ficando “velho” pra Europa e está constantemente atuando meio tempo como zagueiro. Basta ver a evolução que todos os volantes brasileiros tiveram na Europa: Bruno Guimarães, João Gomes, Danilo etc. Não dá pra não sair em junho” – externou outro torcedor.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Fernando Diniz perdeu a cabeça contra o Bahia

As reclamações dos tricolores não estão erradas quando analisadas as escolhas do comandante diante do Bahia. Para de ter noção da descompensação do treinador, Diniz finalizou a partida com cinco atacantes e nenhum zagueiro em campo. O que tem tirado a paciência dos torcedores é saber que o time não se desfez após a conquista da Libertadores da América 2024, mas o desempenho apresentado parece ser de um time recém montado.

Com contrato válido até dezembro de 2024, Fernando Diniz não deve ser desligado do Fluminense no momento, mas a diretoria de Xerém liga seu sinal de alerta. Na temporada atual, o Tricolor das Laranjeiras conquistou oito vitórias, seis empates e cinco derrotas, tendo feito 25 gols e sofrido outros 20 tentos. No mais, venceu a Recopa Sul-Americana, mas foi despachado nas semifinais do carioca pelo Flamengo.

Iara Alencar

Sou apaixonada por esportes, principalmente pelo futebol. Trabalho há cinco anos como redatora esportiva e publico matérias sobre as principais ligas da modalidade. Adoro escrever e estar por dentro de tudo que envolva o mundo da bola.
Botão Voltar ao topo