Últimas Notícias do Fluminense

Diniz se pronuncia após pedido de demissão no Fluminense

Na noite da última quarta-feira (19), o Fluminense entrou em campo pela décima rodada do Campeonato Brasileiro, enfrentando o Cruzeiro no Estádio Mineirão. A expectativa era que pudesse iniciar uma sequência positiva, em busca da virada de chave na tabela da competição. No entanto, acabou sendo derrotado por 2 a 0, com dois gols marcados por William.

Naturalmente, as cobranças sobre o trabalho do técnico Fernando Diniz se intensificaram, e a torcida já não demonstra paciência sobre momento vivido. Com a derrota para o Cruzeiro, o Fluminense caiu para a última posição na tabela do Campeonato Brasileiro, levando em consideração o saldo de gols. O clube carioca completou o seu sexto tropeço no torneio, uma surpresa negativa.

“É uma coisa que eu não gosto, mas não me preocupa. Ninguém gosta de estar com o nome na arquibancada pedindo saída. Mas é uma coisa que eu sei acolher com respeito, já falei outras vezes”, revelou o profissional. A torcida se mostra insatisfeita há algum tempo, especialmente pelo momento entre altos e baixos, distante das expectativas criadas para a temporada.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Trabalho de Diniz pode gerar insatisfação no Fluminense

Por ser o atual campeão da Copa Libertadores da América, o torcedor entendia que o Fluminense poderia chegar com grande favoritismo ao ano, buscando uma sequência de conquistas. No torneio continental, já se classificou para as oitavas de final, na primeira posição do Grupo A, mas ainda não convenceu. No Campeonato Brasileiro, o desempenho é decepcionante.

Nas redes sociais, os torcedores também exigem a saída do técnico Fernando Diniz. Na rede social X, antigo Twitter, um torcedor apontou a campanha na lanterna do Campeonato Brasileiro: “Algo que não acontecia desde 2009. Fernando Diniz é a maior aberração que já passou pelo Fluminense, o pior técnico da história desse clube e seu fim será muito trágico”, comentou.

Isadora Reis

Estudante de jornalismo, torcedora assídua do futebol nacional e apaixonada por escrever sobre esportes.
Botão Voltar ao topo