Últimas Notícias do Fluminense

Diniz abre o jogo sobre mais novo zagueiro do Fluminense

O Fluminense iniciou a temporada de 2024 se desdobrando entre importantes expectativas, considerando que chegava como o atual campeão da Copa Libertadores da América. No entanto, mesmo tendo correspondido de maneira rápida, conquistando a Recopa Sul-Americana de 2024, os resultados ainda estão distantes do esperado, especialmente com o problema sobre lesões.

Além do improviso em relação às ausências, o técnico Fernando Diniz tem acionado alguns volantes na defesa, contando com André ou Martinelli. A decisão gera contestação entre os torcedores, algo que realmente divide opiniões nas redes sociais. O assunto foi defendido pelo técnico Fernando Diniz. Em entrevista ao ‘ge’, o treinador comentou as alternativas.

“Objetivamente, depende muito do jogo. Pode ser que, em determinada partida, o André venha para a zaga. A leitura é para saber como o jogo está fluindo, como eles estão fluindo por ali. André é mais agressivo, é ver se tá tendo muito combate, mais choque no meio. É questão de percepção. De intuição. Pode ser que amanhã ou depois eu coloque o André e o Martinelli fique à frente. É leitura de jogo para saber como está o adversário”, disse.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Fluminense busca vitória no Brasileirão

Como revela o técnico Fernando Diniz, as escolhas dependerão da situação de cada duelo, das necessidades, dos adversários ao longo do ano. A temporada será extremamente agitada para o Fluminense, considerando que se desdobra entre os compromissos do Campeonato Brasileiro, da Copa Libertadores da América, e se prepara para o primeiro desafio pela Copa do Brasil.

O Fluminense retorna aos gramados no próximo sábado (20), quando recebe o Vasco da Gama no Maracanã, pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro. Vale ressaltar que o Tricolor ainda não conquistou nenhuma vitória no torneio, empatou em 2 a 2 na estreia da competição, contra o Red Bull Bragantino, e perdeu por 2 a 1 para o Bahia.

Isadora Reis

Estudante de jornalismo, torcedora assídua do futebol nacional e apaixonada por escrever sobre esportes.
Botão Voltar ao topo