Últimas Notícias do Fluminense

Craque do Atlético-MG revela torcida pelo Fluminense

Paulinho, jogador revelado pelo Vasco e atualmente atuando como atacante no Atlético-MG, compartilhou em uma entrevista à “ESPN” a lembrança mais triste que tem de um jogo da Libertadores. Ele mencionou a final da Libertadores de 2008 entre Fluminense e LDU, que terminou com a vitória dos equatorianos nos pênaltis, diante de um Maracanã lotado.

Apesar de sua forte identificação com a torcida do Vasco, Paulinho revelou que estava presente no estádio como espectador durante aquela final e admitiu que sentiu certo receio em revelar essa história.

“Eu não sei nem se poderia estar dizendo isso, mas minha primeira lembrança de Libertadores é a final de 2008 entre Fluminense e LDU. Eu estava no Maracanã e foi um dia bem triste, muito triste mesmo”

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Recordista por grande rival

Paulinho também relembrou o momento mais feliz que teve na competição, dessa vez como jogador do Vasco da Gama, em 2018, quando tinha apenas 17 anos. Ele recordou da partida contra o Universidad Concepción.

“A lembrança mais feliz foi quando estreei na Libertadores e marquei meu primeiro gol, sendo o primeiro nascido nos anos 2000 a marcar quebrando o recorde de ser o jogador mais jovem a marcar na competição pelo Vasco”

Nesta terça-feira, Paulinho entrará em campo novamente pela competição, agora defendendo o Atlético-MG, buscando uma vaga nas oitavas de final. O adversário será o Alianza Lima, em partida marcada para as 21h (horário de Brasília).

Rodrigo Simões

Apaixonado por futebol internacional e alternativo, assim como por lutas (MMA, sobretudo). A melhor coisa do mundo é desfrutar de um estádio em dia de jogo e de um bom show de rock n' roll.
Botão Voltar ao topo