Últimas Notícias do FluminenseDestaquesFluminense na Libertadores

Conmebol manda Inter parar de choro na Libertadores

O confronto entre Internacional e Fluminense na última quarta-feira (27) foi marcado por diversas polêmicas de arbitragem, com o Flu reclamando da expulsão de Samuel Xavier, enquanto o Inter se queixou de diversos lances.

Um dos lances que gerou mais queixas por parte dos Colorados foi o segundo gol da equipe, que foi anulado devido à suposta interferência com a mão do zagueiro Gabriel Mercado.

Inicialmente, o gol estava válido, e o jogador até comemorou, porém, após revisão do VAR, o árbitro anulou o gol, o que gerou revolta nos Colorados.

A Conmebol revisou o lance e o Inter ficou no chinelo

No mesmo lance do gol anulado de Gabriel Mercado, os jogadores do Inter também reclamaram de um suposto toque de mão de André, do Fluminense, antes de chegar no zagueiro do Internacional.

Após muita discussão, o lance foi levado até programas esportivos de debate, e a Conmebol providenciou novas imagens do lance de diversos ângulos.

Nessas imagens, ficou claro que André não tocou na bola, além de mostrar o toque de Gabriel Mercado, o que encerrou definitivamente as discussões sobre possível ajuda ao Fluminense na partida, com a anulação sendo correta.

O Fluminense, por sua vez, também teve sua reclamação, que foi a expulsão de Samuel ainda no primeiro tempo. Diniz, em sua coletiva, afirmou que o clube foi prejudicado.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Algumas outras reclamações menores entre as equipes também surgiram, mas apenas essas duas foram cruciais no jogo, onde o Flu conseguiu sair de maneira positiva da partida.

Com a expulsão e o Tricolor saindo com um empate no jogo, em 2×2, agora a decisão será no estádio do Internacional. Esse confronto definirá o primeiro finalista da competição continental, que será decidida no Maracanã no dia 04 de novembro.

A partida decisiva entre as equipes ocorre na próxima quarta-feira (04) às 21:30, no horário de Brasília, no Beira-Rio, casa do Internacional.

Leonardo Simões

Trabalhar com futebol é algo que hoje é minha maior realização, por mais que em outras áreas eu tenha uma boa qualidade é no futebol que eu me identifiquei.Também sou apaixonado por basquete e sempre tento acompanhar todas as ligas, sendo bem antenado a acompanhar diversos esportes além do futebol.Antes de trabalhar com futebol fiz diversos trabalhos, sendo de atendente em shopping até vendedor em televendas, e principalmente após começar a faculdade de jornalismo decide rumar para a área esportiva.
Botão Voltar ao topo