Últimas Notícias do Fluminense

Confirmado: André sentiu dores e virou dúvida no Fluminense

Volante entrou em campo com dores

O Fluminense fez sua estreia do Mundial de Clubes nesta segunda-feira (18), e conquistou vaga para a grande decisão, que ocorre no dia 22 de dezembro. Despachando o Al-Ahly, do Egito, na semifinal, o Tricolor das Laranjeiras pode se consagrar o melhor time do mundo diante do Manchester City. Contudo, o desfecho dos cariocas poderia ter sido outro, já que André entrou em campo sentindo dores.

Consistente dentro das quatro linhas, André foi eleito o melhor jogador da partida. Contudo, o volante por pouco não ficou de fora da estreia no Mundial de Clubes. Em entrevista cedida à CazéTV, o homem de confiança do técnico Fernando Diniz revelou que o departamento médico do clube foi essencial para a sua recuperação.

“Aproveitar para agradecer ao departamento médico e fisioterapia do Fluminense. Desde o jogo do Brasil vinha sofrendo com algumas dores. Principalmente, nessa viagem, foi um tratamento intensivo para poder treinar bem e estar 100% para jogar hoje” – explicou André.

Além do meia, outros quatro nomes foram de fundamental importância para o triunfo do Tricolor das Laranjeiras. De modo geral, o zagueiro Felipe Melo e o goleiro Fábio mantiveram a experiência em alta e anularam qualquer infiltração adversária. No mais, Jhon Arias e John Kennedy marcaram os dois gols do elenco brasileiro.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Fluminense de olho no adversário

Nesta terça-feira (19), Manchester City e Urawa Reds, do Japão, se enfrentam no King Abdullah Sports City, em Jidá, na Arábia Saudita. A partida que ocorre às 15h (Horário de Brasília) será de extrema importância para o Fluminense, uma vez que seu adversário na final sairá do confronto em questão. No mais, de um lado aparece o atual campeão da Champions League, e de outro está o campeão da Liga dos Campeões da Ásia.

Cobiçando o tão sonhado título, o Fluminense já faturou R$ 20 milhões, isso caso fique em segundo lugar. Em contrapartida, o grande campeão levará para casa US$ 5 milhões (cerca de R$ 25 milhões na cotação atual).

Iara Alencar

Sou apaixonada por esportes, principalmente pelo futebol. Trabalho há cinco anos como redatora esportiva e publico matérias sobre as principais ligas da modalidade. Adoro escrever e estar por dentro de tudo que envolva o mundo da bola.
Botão Voltar ao topo