Últimas Notícias do FluminenseJogos e Partidas do FluminenseMercado da Bola do Fluminense

Clima quente: Fernando Diniz perde a cabeça com jogadores após derrota, revela jornalista

O clima no vestiário do Fluminense ficou quente depois da derrota para o Botafogo por 1 a 0, no último domingo (29), no Maracanã. A forma como ocorreu a derrota com pênalti perdido por Calegari e a omissão dos companheiros foi o assunto mais forte internamente. As informações são do portal NETFlu, do jornal Globo e do repórter Victor Lessa, da rádio Globo.

De acordo com o jornal Globo e do Victor Lessa, o técnico Fernando Diniz subiu o tom de cobrança no vestiário. Pela “hierarquia” tricolor, Ganso é o primeiro batedor de pênalti e Jhon Arias o segundo. Dentro do campo, Calegari pegou a bola para efetuar a cobrança e ninguém o impediu ou questionou.

Ainda de acordo com o jornal e repórter, o treinador pediu respostas aos jogadores sobre a decisão de Calegari bater o pênalti. Não houve bate boca ou desrespeito, mas o técnico se mostrou claramente contrariado pela decisão. A cobrança foi dura e acima do tom tradicional.

Ganso e Nino, batedor e capitão da equipe, conversaram com Diniz sobre a decisão. As partes entenderam que não foi a melhor escolha. Também foram discutidos os erros defensivos, a “ilusão” dos jogadores de achar que fariam o gol a qualquer hora e a arbitragem considerada ruim por paralisar demais a partida. Ainda segundo o jornal, o técnico está bem longe de perder o comando. O tom duro já apareceu em outras situações piores e os atletas seguem o apoiando.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Ainda de acordo com Lessa, segundo informações, foi um dos maiores esporros de Diniz no Fluminense. Acima do tom tradicional do treinador.

O Fluminense volta a campo na próxima quinta-feira (2), contra o Volta Redonda, no Raulino de Oliveira.

Apresentador perde a linha após Calegari perder pênalti no clássico; VEJA

A derrota do Fluminense para o Botafogo passou muito pela perda do pênalti por Calegari e levou o apresentador Magno Navarro, dos canais SporTV, a loucura. O Tricolor perdeu por 1 a 0, com gol de Victor Sá, e não está mais invicto na temporada. As informações são do portal Lance!.

O apresentador Navarro disse que a situação foi uma “irresponsabilidade” e disse ter ficado incrédulo com a escolha de Calegari para a cobrança. De acordo com o comentarista existiam em campo opções melhores. “Eu estou incrédulo que o Calegari bateu o pênalti. Não há a menor explicação pro Ganso não ter batido. Uma das coisas mais bizarras que eu já vi no Fluminense”, disse Navarro.

Pedro Rocha

Pedro Rocha, natural de Fortaleza, Ceará. 24 anos. Formado em jornalismo pela Universidade de Fortaleza. Amante de futebol, apaixonado por notícias e curiosidades.
Botão Voltar ao topo