Últimas Notícias do Fluminense

CBF confirma! Campeonato Brasileiro não terá rebaixamento?

Na última segunda-feira (20), o técnico Renato Portaluppi participou de entrevista no ‘Boleiragem’, e foi questionado sobre a melhor maneira de amenizar os prejuízos dos times gaúchos, que foram atingidos pela tragédia do Rio Grande do Sul. O técnico chegou a sugerir que os quatro melhores colocados da Série B do Brasileiro subam à elite, mas que nenhum participante da Série A seja rebaixado.

“Eu não sou nem contra nem a favor (que Grêmio, Internacional e Juventude não sejam rebaixados), porque entendo que outros clubes da segunda divisão estão brigando pra subir. Mas aí cabe à CBF arrumar uma solução. Então sobem os quatro e não cai ninguém. Na pandemia, a gente viu o que a gente sofreu também. É uma situação muito difícil, em que os clubes gaúchos vão ficar muito atrás — disse Renato”, disse.

No entanto, é importante ressaltar que uma possível mudança no regulamento do Campeonato Brasileiro, teria que passar por uma reunião Conselho Técnico da Série A (com todos os clubes times que atuam pelo Campeonato Brasileiro). Além de ser algo que dividiria opiniões, o presidente da CBF, Ednaldo Rodrigues, já afirmou ser contra soluções parecidas, considerando partes negativas e positivas.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Campeonato Brasileiro terá que se adaptar ao novo Mundial

Para piorar a situação, o calendário de 2025 terá que ser estudado com cautela, levando em consideração o Super Mundial de Clubes que será realizado nos Estados Unidos. Três brasileiros já estão confirmados, e caso um novo time seja campeão da Copa Libertadores, a lista de representantes do futebol nacional aumenta. Por isso, o foco pode desviar sobre o Campeonato Brasileiro.

“Na parte física, no ritmo de jogo, na parte psicológico. Tem muita gente que acha que as águas do (rio) Guaíba vão baixar e vai tudo voltar ao normal. Acho que muita coisa, infelizmente, vai continuar acontecendo. E a parte psicológica dos jogadores vai ficar afetada. (…) Acho que seria a melhor ideia, mas não cabe a mim. Eu penso dessa forma” completou Renato Gaúcho.

Isadora Reis

Estudante de jornalismo, torcedora assídua do futebol nacional e apaixonada por escrever sobre esportes.
Botão Voltar ao topo