DestaquesÚltimas Notícias do Fluminense

Cano está muito perto de ocupar a mesma prateleira de Pelé, Romário e Zico

O centroavante matador Germán Cano, que precisa de poucas chances para balançar as redes, consolida-se cada vez mais como um dos melhores e maiores atacantes que já passaram pelo futebol brasileiro. Mesmo aos 35 anos, o jogador continua em excelente fase com o manto Tricolor.

Autor de um dos gols na final da Libertadores, Cano marcou na última partida contra o Coritiba, vencendo por 2×1 com um verdadeiro golaço. Com esse gol, atingiu a marca de 39 gols na temporada com a camisa Tricolor, sendo nove tentos no Brasileirão. Agora, está a apenas um gol de entrar em uma seleta lista do futebol brasileiro.

Artilheiro de diversas competições e quebrando recordes no Fluminense, o jogador mantém uma média de 40 gols por temporada. Apesar dos 39 marcados até o momento, caso marque em uma das próximas cinco partidas do Flu, alcançará a incrível marca de 40 gols em duas temporadas consecutivas, feito realizado apenas por lendas do futebol brasileiro.

Cano pode igualar feito do Pelé

Com 44 gols em sua primeira temporada, quebrando inclusive o recorde do Brasileirão com 20 clubes, Cano não desacelerou em sua segunda temporada com o Fluminense, marcando até o momento incríveis 39 gols, conquistando a artilharia da Libertadores e do Campeonato Carioca.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Perto de alcançar a marca de 40 gols, Cano poderá entrar em uma lista se balançar as redes mais uma vez em 2023. O argentino será mais um a marcar 40 gols ou mais por duas temporadas seguidas, feito realizado apenas por gênios do futebol brasileiro como Pelé, Romário, Zico e Roberto Dinamite, por exemplo.

Em solo brasileiro, o último a conseguir tal feito foi Romário nos anos de 1999 e 2000. Ou seja, há mais de 23 anos a marca de 40 gols por temporada não é quebrada por um jogador. Mesmo Neymar não conseguiu na época. Romário fez 46 gols em 1999, 65 em 2000 e ainda marcou 40 em 2001 sendo o último a conseguir a marca.

Dentro do Fluminense, a marca é ainda mais antiga, sendo um tabu a ser quebrado. O último a conquistar esse feito foi o artilheiro Waldo, que além de ser o maior goleador da história do Fluminense, anotou 48 e 40 gols nas temporadas de 1956 e 1957. Até o final do ano, Cano tem confirmados cinco jogos, três pelo Brasileirão e dois pelo Mundial, onde tentará também alcançar a histórica marca com a camisa do Fluminense.

 

Leonardo Simões

Trabalhar com futebol é algo que hoje é minha maior realização, por mais que em outras áreas eu tenha uma boa qualidade é no futebol que eu me identifiquei.Também sou apaixonado por basquete e sempre tento acompanhar todas as ligas, sendo bem antenado a acompanhar diversos esportes além do futebol.Antes de trabalhar com futebol fiz diversos trabalhos, sendo de atendente em shopping até vendedor em televendas, e principalmente após começar a faculdade de jornalismo decide rumar para a área esportiva.
Botão Voltar ao topo