Últimas Notícias do Fluminense

Bolada de R$ 200 milhões cai de mão beijada nas mãos do Fluminense

O Fluminense está buscando reduzir suas dívidas, que ultrapassam os R$ 700 milhões. Desta forma, a diretoria Tricolor planeja angariar entre R$ 150 e R$ 200 milhões por meio do potencial construtivo das Laranjeiras, cujo projeto aguarda aprovação da Prefeitura do Rio de Janeiro e da Câmara de Vereadores.

A iniciativa, que poderá reformular a região, e, ainda por cima, tirar o time de uma crise financeira, poderá realizada em parceria com uma empresa estrangeira, que tem por objetivo a revitalização da sede do clube localizada na Zona Sul do Rio.

Fluminense poderá lucrar com as Laranjeiras

A proposta, muito bem vista pela diretoria, envolve a modernização da sede e do estádio Tricolor. No entanto, não terá o objetivo de expandir sua atual capacidade, de 7 mil lugares. Isso acontecerá por conta do tombamento do Estádio das Laranjeiras, patrimônio carioca.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Assim, o intuito é utilizar as instalações para jogos de menor apelo do Campeonato Carioca, bem como partidas das categorias de base e do futebol feminino, que estão em crescimento no Fluminense.

Ao reduzir o número de jogos do time profissional no Maracanã, a iniciativa busca minimizar o impacto no estádio de maior porte. Adicionalmente, o projeto contempla a adaptação do estádio para realizar shows, acrescentando 7 mil lugares no gramado, proporcionando uma fonte adicional de receita por meio de eventos na sede social do clube.

Embora tenha sido debatida a inclusão do Centro de Treinamento de Xerém no plano de construção, a área avaliada abrange apenas as Laranjeiras, uma vez que o CT está distante, localizado em Duque de Caxias.

Alvaro Cunha

Completamente apaixonado por esportes, videogames e cinema. Acompanha diversas competições de futebol, futebol americano, corridas, golfe e outros esportes.
Botão Voltar ao topo