Destaques

Apresentação de Hazard no Maracanã foi marcada e pegou todo mundo de surpresa 

O futebol brasileiro nos últimos anos tem se destacado, com diversos jogadores badalados participando e integrando as equipes brasileiras. Na última edição, Suarez e o lateral Marcelo, do Fluminense, foram os grandes nomes a pisarem no palco nacional, proporcionando ainda mais visibilidade ao Brasileirão para os países estrangeiros.

No entanto, o Maracanã, antes de todos esses craques pisarem no estádio, já foi palco de diversas grandes estrelas internacionais, com Hazard, estrela da Seleção da Bélgica, surpreendendo a todos com uma grande apresentação no icônico estádio. Não apenas fez magia dentro dos gramados, mas também deixou sua marca no local de certa forma.

O jogador, que se destacou no Chelsea, conquistando diversos títulos, teve uma passagem apagada no Real Madrid após enfrentar muitas lesões. No entanto, ele tem um passado interessante no Brasil, onde, pela Copa do Mundo de 2014, deu um show no palco do Maracanã, ajudando sua seleção na competição.

Hazard vira estrela em pleno Maracanã

Ainda muito jovem e com sua história no futebol começando, Hazard veio ao Maracanã para a disputa da Copa do Mundo no Brasil em 2014. Apesar da famosa geração belga ser ainda muito jovem, o jogador teve seu destaque evidente, principalmente na fase de grupos em uma partida contra a Rússia.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

A Bélgica havia caído no grupo com Coreia do Sul, Argélia e Rússia. Na segunda partida, jogando no maior estádio do mundo, o Maracanã, contra a Rússia, buscando a classificação antecipada para as oitavas, em um jogo muito truncado contra os russos, Hazard tirou uma jogada genial da cartola, driblando toda a defesa e passando a bola para Origi marcar o único gol da partida.

O gol foi marcado aos 43 minutos do segundo tempo e na rodada seguinte ainda foi crucial para a eliminação da seleção russa na fase de grupos, que ficou a um ponto de passar para a próxima fase. Na rodada seguinte, já classificada, a Bélgica, desta vez não jogando no Maracanã, apenas fez o “dever de casa” e ganhou da Coreia por 1×0.

Mais tarde, na competição, infelizmente, a geração belga que estava em seu início, não conseguiu superar a Argentina, futura vice-campeã nas quartas de final do torneio, perdendo por 1×0 com gol de Higuain. Ao menos, os torcedores brasileiros e, principalmente, do Fluminense, puderam ver o show de Hazard no Maracanã.

Leonardo Simões

Trabalhar com futebol é algo que hoje é minha maior realização, por mais que em outras áreas eu tenha uma boa qualidade é no futebol que eu me identifiquei.Também sou apaixonado por basquete e sempre tento acompanhar todas as ligas, sendo bem antenado a acompanhar diversos esportes além do futebol.Antes de trabalhar com futebol fiz diversos trabalhos, sendo de atendente em shopping até vendedor em televendas, e principalmente após começar a faculdade de jornalismo decide rumar para a área esportiva.
Botão Voltar ao topo